26 de maio de 2016

O que eu achei do livro: Como água para chocolate por Laura Esquivel │ TAG #MyImpression

Olá pessoal,

Hoje quero que vocês conheçam um livro com uma história belíssima. Uma historia que envolve paixão, mentiras, ódio, adultério, guerra e muita gastronomia.

Estou falando do romance escrito pela mexicana Laura Esquivel, que é: Como Água para Chocolate.



Sobre essa edição:

Título Original: Como agua para chocolate
Autor: Laura Esquivel
Tradutor: Monica Maia
Páginas: 207
Formato: 12 x 18cm (pocket)
Editora: BestBolso
Tipo de capa: Brochura


Resenha:

A história se passa Ao Norte do México, no início do século XX, em plena Revolução Mexicana. Como de costume nas famílias mexicanas dessa época, as filhas mais novas estavam destinadas à cuidarem de suas mães até a sua morte.

Esse é o destino de Tita de la Garza, uma linda jovem que se apaixona cedo, mas para honrar a tradição da família e também para não contrariar a vontade de sua mãe Elena - apesar de acha tudo isso um grande absurdo - ela decide deixar o amor em segundo plano.

Por ventura, Tita tentar afogar as suas lágrimas e esquecer a sua dor entre os aromas e sabores da gastronomia regional e é por isso que passa a maior parte de sua vida no cômodo mais acolhedor da casa: a cozinha.


Tita adorava o que fazia e por gostar tanto acabou desenvolvendo uma espécie de 6º sentido para a comida, isso também se deve graças à cozinheira da casa, Nacha. Ela foi responsável por ensinar tudo sobre a arte de cozinhar à Tita.

Com essa artimanha, ela prepara pratos com tanta dedicação que desperta inúmeros sentimentos nas pessoas e com isso ela tenta saber se o seu amor Pedro ainda a ama, pois por conta do "karma" de cuidar da mãe até a morte, Pedro não pode se casar com ela.


O que dizer sobre um livro desse?

Inspirador, alegre e arrebatador.

Eu me sinto como água ara chocolate quente a ponto de transbordar de felicidade com a leitura desse livro.
Na época que eu estava aprendendo espanhol, mexendo nos computadores da faculdade onde minha mãe trabalhava, acabei conhecendo um homem, da qual, para me ajudar a praticar o espanhol, me fez uma lista de livros e Como Água para chocolate está entre em deles, assim como Cem anos de solidão do Gabriel García Marquez, Vinte poemas de amor e uma canção desesperada do Pablo Neruda, Tão veloz como o  Desejo também da Laura Esquivel entre outros títulos.
Quando me lembro dessa lista, sinto uma enorme nostalgia, pois fui apresentada pela primeira vez aos grandes escritos por uma pessoa que troquei apenas algumas frases em espanhol.

Minha nota para o livro é: ✰ ✰ ✰ ✰ ½  de 5 ✰

Adorei a leitura.

Me diverti demais, em alguns momento tive raiva, outros dó, outros desprezo, mas entre todos esses sentimentos o de satisfação se sobrepôs aos demais, pois é gratificante conhecer uma obra dessa.

 

 Achei muito legal que para cada inicio de capitulo, um mês se iniciava com uma receita que fazia parte da história.

E a minha receita favorita é a de Codorna com pétalas de rosas. Um dia ainda me arriscarei à realizar essa receita na minha humilde cozinha, kkk





Para completar, achei no meio das minhas pesquisas um restaurante no Chile com o mesmo nome do livro.

Muito legal. Espero que eles sirvam a codorna com pétalas de rosas, assim me poupa de um vexame na cozinha, kkk

Vejas as fotos:

Site: http://www.comoaguaparachocolate.cl/

Fotos retiradas do banco de imagens do Google.






Muito original e propicio. Uma mesa com a temática de uma cama. Essa cama, só pode ser a do quartinho escuro dos encontros entre Tita e Pedro. 
SENSACIONAL!!!!



Dá só uma olhadinha no menu, ou melhor, en la carta!!!




 Espero que vocês tenham gostado.

À bientôt (Até breve).

Um comentário:

  1. Nossa adorei suas fotos, são lindas, e esse livro é maravilhoso.

    ResponderExcluir